Marcel Camargo

Graduado em Letras e Mestre em "História, Filosofia e Educação" pela Unicamp/SP, atua como Supervisor de Ensino e como Professor Universitário e de Educação Básica. É apaixonado por leituras, filmes, músicas, chocolate e pela família.

Cumprimente a todos, confie em poucos e não dependa de ninguém

Melhor tentar não depender de ninguém, nem contar muito com os outros, afinal, quanto mais depositarmos nossa felicidade fora de nós, mais distante ela se torna.

Abençoados aqueles que tentam elevar a autoestima das pessoas

Num mundo cheio de gente tentando te empurrar pro buraco, quem te levanta é luz a ser preservada, mantida, valorizada e amada do fundo do teu coração.

“Não agrade os ingratos, nem sirva aos folgados”

Precisamos parar de tentar agradar aos ingratos, de servir gente folgada, de nutrir amizades duvidosas, para que possamos percorrer somente os encontros verdadeiros.

Saia é a moda da vez: saia de perto de tudo o que faz mal

Saia é a moda do momento. Saia de ambientes pesados, de relacionamentos tóxicos, saia de perto de gente chata. Saia por aí e se divirta. Não tem erro.

Não aceite qualquer companhia por medo de ficar só

"Todos necessitamos de um companheiro para partilhar tudo o que temos dentro de nós e transborda, para receber em troca verdades que venham ao encontro de nossos sonhos e desejos. Sempre foi assim e assim o será, não se foge a isso. No entanto, a ânsia por encontrar esse amor jamais poderá ser maior do que o nosso amor-próprio, do que as convicções que nos constituem e constituem nossa humanidade, nosso respirar.

Ajudar o colega de trabalho não gera concorrência e sim admiração

"Você será sempre lembrado pela grande maioria daqueles que você se dispôs a ajudar e a ensinar. E isso faz um bem enorme."

Umberto Eco alerta: “Nem todas as verdades são para todos os ouvidos.”

Cada vez mais intolerantes, as pessoas parecem precisar revestir seus discursos de agressividade, para que pareçam convincentes.

O que tomo para ser mais feliz? Tomo distância!

Podemos nos encher de remédios, de terapias, ler livros e mais livros de autoajuda, ouvir palestras, porém, ainda que nos dispusermos a manter a serenidade diariamente, caso não nos resguardemos de pessoas tóxicas, não conseguiremos ser felizes como desejamos.

Conecte-se!

Siga a página de Caminhos no Facebook e acompanhe as publicações do site.

Comente via Facebook