Thamilly Rozendo

Estudante de psicologia, apaixonada por artes, música e poesia. Não dispensa um sorvete e adora um pastel de feira com muito requeijão, mesmo sendo intolerante a lactose. Tem pavor de borboletas, principalmente as no estômago.

Difícil é amar o outro quando as coisas não vão bem

Difícil é amar quando as coisas não vão bem, quando o outro está indisposto e hoje não conseguiu nem te desejar um bom dia porque não dormiu muito bem a noite e a semana não está sendo das melhores.

Talvez a gente se esbarre e se conheça de novo com o olhar mais maduro e o coração mais decidido

Eu achava que, aos poucos, a gente morria de amor, depois do fim, depois da despedida, mas não, ninguém morre.

Não aceite migalhas. Alguém vai te amar da forma que você merece.

Não aceite um amor pela metade, não aceite migalhas. Vejo muita gente se contentando com pouco, achando que aquilo é suficiente. Quanta gente infeliz, em um relacionamento, por medo de ficar sozinho.

Não é beleza que procuramos em alguém, mas maturidade e responsabilidade.

A gente não está a procura de beleza, de rostos bonitos e corpos sarados. Queremos maturidade e responsabilidade, o que tem se tornado cada vez mais raro.

O melhor remédio para as dores da vida é viajar. Intercâmbio é curador.

Viajar faz com que nós ultrapassemos horizontes e permite que nós olhemos a vida sob uma nova ótica: A de que algo ainda faz sentido.

O amor não consiste na ausência de conflitos, mas na habilidade de lidar com eles

O amor não é sinônimo de ausência de tempestades, é um equivoco pensar que o amor não tem lá os seus dias ruins.

Depressão não é preguiça e nem desculpa, depressão é luta.

Depressão não é preguiça, nem "frescura", nem descuipa. Depressão é uma enfermidade grave que precisa ser levada a sério e devidamente tratada,

“A vida é trem bala, parceiro. E a gente é só passageiro prestes a partir”

Ouvindo a música Trem Bala, de Ana Viela, refleti o quão frágil a vida é e o quanto temos valorizado as coisas e descartando cada vez mais as pessoas.

Conecte-se!

Siga a página de Caminhos no Facebook e acompanhe as publicações do site.