domingo, 9 agosto 2020

“Não agrade os ingratos, nem sirva aos folgados”

Precisamos parar de tentar agradar aos ingratos, de servir gente folgada, de nutrir amizades duvidosas, para que possamos percorrer somente os encontros verdadeiros.
Início Mundo virtual

Mundo virtual

Excesso de informação produz mentes inquietas

Estresse e ansiedade estão entre as principais consequências devido ao uso exagerado de mídias sociais.

Minha família não cabe no Whatsapp

Perguntei-me como seria se minha família tivesse um grupo no WhatsApp, como as outras famílias, mas constatei que não daria, pois acho que funcionamos um pouco diferente. Minha família tornou-se estranha nessa época digital. Nos reunimos todos aos domingos e não fotografamos nada, na maioria das vezes.

Felicidade, Facebook e solidão contemporânea

É como se a vida real tivesse se tornado uma extensão, um plug-in da rede, melhor, um aplicativo que baixa-se no play store.

Sobre pessoas que curtem e compartilham posts em redes sociais sem nem saber do que se trata

O mundo virtual é um mundo de aparências, semelhante ao livro que as pessoas carregavam consigo antigamente sem nunca o ter lido.

A autoestima na era do selfie

Esse excesso de autoestima, ao invés de demonstrar que as pessoas estão seguras e felizes consigo mesmas, mostram, na verdade, o contrário: uma auto insatisfação constante e a necessidade de parecer, muito maior do que a necessidade de realmente ser.

Quando o relacionamento virtual se torna paixão

A paixão na “vida real” já traz em seu bojo questoes como a busca do outro no que falta em nós mesmos e da realizaçao das nossas fantasias e idealizações. E quando isso é virtual? Imaginem o turbilhão de fantasias desta paixão idealizada e de sobra, virtualmente?

Apareço, Logo Existo: O mundo das aparências por Bauman, Nietzsche e Shakespeare

A internet é um paraíso digital no qual podemos selecionar um mundo só nosso: somos mais bonitos, mais pacientes e mais inteligentes. Para fugir do inferno dantesco que é a realidade, basta uma espaçonave para o mundo digital. Quem topa a viagem?

Carencia afetiva e necessidade de autoafirmação nas redes sociais

Com a democratização do acesso à internet e redes sociais, foram internalizados novos aspectos comportamentais e agregados novos valores sociais. Através destes contextos, criamos muitas vezes uma realidade pré-fabricada a partir das nossas carências afetivas e emocionais, sendo as redes sociais o grande termômetro da insatisfação e insegurança das pessoas consigo mesmas.

Pelo direito de postar fotos felizes no Facebook

Embora entendamos que algumas pessoas cometam excessos: o perfil é pessoal e nele o usuário, desde que siga as regras da plataforma, decide quanto de si quer mostrar – ainda que o que opte por exibir seja julgado como um exagero pela maioria das pessoas.
- Caminhos recomenda -

Categorias