quarta-feira, 15 julho 2020

“Não agrade os ingratos, nem sirva aos folgados”

Precisamos parar de tentar agradar aos ingratos, de servir gente folgada, de nutrir amizades duvidosas, para que possamos percorrer somente os encontros verdadeiros.
Início Comportamento Depressão pode matar, mas tem tratamento!

Depressão pode matar, mas tem tratamento!

- Caminhos recomenda -

A depressão é um transtorno mental, causado por uma complexa interação entre fatores orgânicos, psicológicos, ambientais e espirituais, caracterizado por angústia, rebaixamento do humor e pela perda de interesse, prazer e energia diante da vida.

Genes, hormônios, neurotransmissores, nutrientes celulares, substâncias químicas, auto-estima, pensamentos, personalidade, crenças, reações emocionais, conflitos inconscientes, fatores sócio-culturais e ambientais, entre outros, podem predispor o indivíduo a desenvolver depressão (TEODORO, 2010, pag. 20).

Contudo, é necessário estar atento, pois há diferença entre depressão e tristeza:

Tristeza: reação emocional normal a várias situações desagradáveis, como ser demitido do emprego, reprovado em algum teste ou perder um parente. Após 6 a 8 semanas e sem intervenções médicas ou psicoterápicas, a pessoa volta ao normal.

- Publicidade -

Depressão: é mais intensa, angustiante, seguida por autodesvalorização e desmotivação, que arrasta por meses ou anos e compromete a vida pessoal, social, profissional e familiar do deprimido.

Paciente e pessoas com quem convive, muitas vezes não percebem as causas da doença, por envolver conteúdos inconscientes e processos psicológicos e orgânicos complicados. É necessário o apoio especializado de médicos e psicólogos.

Depressão pode matar, mas tem tratamento!

 

Você sabia?

A depressão é a principal causa de problemas de saúde e deficiência em todo o mundo. De acordo com a OMS, mais de 300 milhões de pessoas vivem com depressão, um aumento de mais de 18% entre 2005 e 2015.

A falta de apoio às pessoas com transtornos mentais, juntamente com o medo do estigma, dificultam o acesso ao tratamento que necessitam para viver uma vida saudável e produtiva.

A taxa de suicídios atribuída à depressão aumentou, apesar dos esforços em estabelecer e manter centros de prevenção e suicídio em todo o território nacional.

Drogas antidepressivas custam menos dinheiro que a psicoterapia, porém não funcionam para todos os pacientes deprimidos, dos quais apenas em torno de 60 a 65% respondem aos medicamentos de forma eficaz (BECK, 1997).

Saiba mais:

A boa notícia é que existem tratamentos eficazes para depressão moderada e grave. Profissionais de saúde podem oferecer tratamentos psicológicos, como ativação comportamental, terapia cognitivo-comportamental com técnicas estruturadas e psicoterapia interpessoal ou medicamentos antidepressivos.

Depressão não é frescura, procure ajuda!

Leia mais:

- Publicidade -

A autora/o autor:

Comente via Facebook

Latest Posts

Muitos sobreviverão à Covid 19, mas permanecerão mortos por dentro

Muitos sobreviverão à Covid 19, mas permanecerão mortos por dentro. E o pior é que teste médico algum é capaz de diagnosticar isso.

Ser gay é falta de gás carbônico

A teoria de que para ser gay nasta respirar pouco gás carbônico, com exemplos concretos e muita ironia. Vale a pena a leitura, mais ainda a reflexão.

Fique com alguém que você aceite. Ninguém muda ninguém.

Aceitar não quer dizer que você deve ser permissivo com aquilo que te faz mal. Significa que você deve analisar bem aquilo...