domingo, 9 agosto 2020

“Não agrade os ingratos, nem sirva aos folgados”

Precisamos parar de tentar agradar aos ingratos, de servir gente folgada, de nutrir amizades duvidosas, para que possamos percorrer somente os encontros verdadeiros.
Início Relacionamentos "Onde não puderes amar, não te demores" (Frida Kahlo)

“Onde não puderes amar, não te demores” (Frida Kahlo)

- Caminhos recomenda -

É no ato de amar que encontramos a fonte da nossa energia. O amor é para onde correm nossos desejos e onde se abrigam nossas ações. Por acaso, seria possível ser feliz com ações que não contêm em si o melhor do nosso amor?

Não há dedicação inteira nem entrega completa se não houver amor na causa a que estamos entregues. Não damos o nosso melhor se o amor não estiver presente. Ele é o maior dos nossos compromissos.

Nada do que fazemos pode ter melhor justificativa que o amor, nem melhor destino. Nossos maiores feitos na vida têm essa finalidade. Nossos grandes projetos nasceram do amor.

Nossas maiores jornadas têm esse motivo. A criação dos filhos encontra sua maior razão nos laços de afeto que se formam. Uma carreira bem-sucedida tem por primeiro expoente o amor à causa que foi escolhida. Amar é o maior desejo de quem decide construir uma vida a dois.

- Publicidade -

Amar e ser amado é uma necessidade básica, que nos move e nos faz ser cada dia melhores. Por essas razões, onde não há amor não deveria haver espaço para querermos ficar; é apertado e frio o lugar onde não se pode amar. Morreríamos de fome se permanecêssemos onde não há amor, porque em si ele é um alimento para a vida.

Um relacionamento onde não há amor, apenas conveniência, ou nem isso, é um triste fim para nossa vida. Um emprego que apenas suga nossas energias e onde não existe nenhum tipo de afeto às tarefas, é uma forma péssima de investirmos nosso tempo. O amor às causas que abraçamos é o que as justifica e as torna importantes. É ele a única explicação para a frase: “foi o tempo que dedicastes à tua rosa que a fez tão importante.” É o amor quem nos faz dedicar nosso tempo à nossas rosas.

Ninguém é capaz de saber ao certo para onde sua vida caminha. Mas todos nós necessitados de ter o amor como destino comum. Talvez isso explique porque temos andado tão desorientados: esquecemos o amor, esquecemos a sua medida. Nos contentamos com pouco quando, na verdade, o amor é para ser vivido sem medida, no seu limite máximo.

O melhor conselho sobre amar é: não espere! ama o que você tem, o que você é e para onde você está indo. Ame as dores e alegrias que que você carrega consigo e perceberá que é perfeitamente possível viver com alegria. Experimente isso!

Guarde isso para sua vida: “O tempo não retorna, o tempo que você perde de amar nunca mais volta, não demore.” (Frida Kahlo)

- Publicidade -

A autora/o autor:

Alessandra Piassarollo
Alessandra Piassarollohttps://www.facebook.com/paginapalavrabonita/
Administradora por profissão, decidiu administrar a própria casa e o cuidado com suas duas filhas, frutos de um casamento feliz. Observadora do comportamento alheio, usa a escrita como forma de expressar as interpretações que faz do mundo à sua volta. Mantém acessa a esperança nas pessoas e em dias melhores, sempre!
Comente via Facebook

Latest Posts

Muitos sobreviverão à Covid 19, mas permanecerão mortos por dentro

Muitos sobreviverão à Covid 19, mas permanecerão mortos por dentro. E o pior é que teste médico algum é capaz de diagnosticar isso.

Ser gay é falta de gás carbônico

A teoria de que para ser gay nasta respirar pouco gás carbônico, com exemplos concretos e muita ironia. Vale a pena a leitura, mais ainda a reflexão.

Fique com alguém que você aceite. Ninguém muda ninguém.

Aceitar não quer dizer que você deve ser permissivo com aquilo que te faz mal. Significa que você deve analisar bem aquilo...