sexta-feira, 29 maio 2020

“Não agrade os ingratos, nem sirva aos folgados”

Precisamos parar de tentar agradar aos ingratos, de servir gente folgada, de nutrir amizades duvidosas, para que possamos percorrer somente os encontros verdadeiros.
Início Tags Autoconhecimento

Autoconhecimento

5 passos para lidar com a agressão emocional dos outros

Neste artigo, Giridhari Das apresenta 5 passos para lidar com a agressão emocional dos outros, minimizar seu impacto e usar a situação para o crescimento.

Não contamine seu futuro com os erros do seu passado.

Esqueça aquela história de que será possível tudo voltar a ser como era antes, não se prenda a esperanças vãs de que conseguirá alcançar o tempo perdido, pois a vida segue seu curso sem olhar para trás e é assim que devemos também caminhar.

Amor próprio veste melhor do que qualquer outra grife

Há tanta gente preocupada consigo mesmo, com o que vestir, como impressionar, como chamar a atenção, como mostrar independência, como ser inesquecível, mas esquecem que ser alguém que sabe o que quer, é mais estonteante do que ser apenas aparência.

Ponha ordem nessa bagunça emocional

Por mais que fujamos ao enfrentamento das bagunças que nós mesmos criamos e à aceitação de que aquilo que nos acontece é resultado do que fizemos, sendo tão somente responsabilidade nossa, uma ou outra hora nossa sobrevivência dependerá disso e teremos de fazê-lo.

Melhor lidar com pessoas ácidas e honestas do que com pessoas doces e hipócritas

Pode demorar para conhecermos realmente a índole de alguém, pode levar muito tempo, porém, nunca será tarde demais para que consigamos nos proteger.

Porque é preciso cair para aprender a levantar voo

O fracasso, por meio da solidão, pode levar ao autoconhecimento, que nos permite conhecermo-nos melhor, pois muitas vezes é preciso ir até o subterrâneo para, então, saber o que precisamos fazer na superfície.

Sobre a depressão – Um depoimento real

Decepcionada com postagens que apresentam a depressão como algo "fácil de resolver", Jane Caetano escreveu este depoimento sobre sua própria experiência.

Perfeccionismo: quando o fracasso não é opção

Pessoas perfeccionistas veem no fracasso uma espécie de “falência pessoal”, o que as coloca numa situação de constante estresse e de luta contra os próprios limites e, assim, contra si mesmas, muitas vezes para agradar alguém que nem existe mais.

Como a identificação com as coisas nos afasta de nós mesmos!

A infelicidade de muita gente se deve a uma identificação com as coisas à sua volta. Quem se identifica com as coisas, passa a ter e deixa de ser, afastando-se de si mesmo, de seu centro e de uma vida mais leve e feliz.
- Caminhos recomenda -