quarta-feira, 5 agosto 2020

“Não agrade os ingratos, nem sirva aos folgados”

Precisamos parar de tentar agradar aos ingratos, de servir gente folgada, de nutrir amizades duvidosas, para que possamos percorrer somente os encontros verdadeiros.
Início Tags Crítica social

Crítica social

O mundo não é dos espertos, mas sim dos honestos

“A esperteza um dia é descoberta e vira vergonha. A honestidade se transforma em exemplo para as próximas gerações. Uma corrompe a vida; a outra enobrece a alma.” (Chico Xavier)

Sofomaníaco: indivíduo estúpido que se acha extremamente inteligente

Muitos indivíduos não têm o conhecimento necessário para opinar com propriedade sobre um fato e, mesmo assim, opinam, inclusive não aceitando que ninguém os contrarie.

Seja inadequado, porque não se adequar a uma sociedade doente é uma virtude

Somos enjaulados em vidas superficiais e nos tornamos seres superficiais, totalmente desinteressantes, inclusive, para nós mesmos.

Raro é quem conversa, as pessoas só querem falar

Em muitos momentos, precisaremos de alguém que nos ouça, que preste atenção em nossos sentimentos, que divida a dor que nos assola, apenas ali do lado, olhando-nos os olhos e acolhendo nossa alma quebrada.

África: o ventre da humanidade

Todos nós somos descendentes de africanos, inclusive você! Se queremos honrar/respeitar nossas origens, devemos então honrar/respeitar principalmente a África, que é a origem de todos nós.

O gato independente e a mania que a gente tem de querer sempre ter razão

O gato é um animal independente que não saberia comprar sua própria ração.

O medo de enxergar a verdade provoca a força da ignorância

“Por vezes as pessoas não querem ouvir a verdade, porque não desejam que as suas ilusões sejam destruídas. ” Nietzsche.

Olho por olho e acabaremos todos cegos

Rubem Alves dizia que todos nós queremos falar, mas ninguém quer ouvir. Percebo que essa incapacidade de escutar tem piorado com o passar do tempo.

Estamos todos numa multidão e numa solidão ao mesmo tempo

Em um mundo cada vez mais conectado, é de se estranhar a tamanha solidão que nos forma.
- Caminhos recomenda -