Tag:Desenvolvimento Pessoal

“Não agrade os ingratos, nem sirva aos folgados”

Precisamos parar de tentar agradar aos ingratos, de servir gente folgada, de nutrir amizades duvidosas, para que possamos percorrer somente os encontros verdadeiros.

Não aceite qualquer companhia por medo de ficar só

"Todos necessitamos de um companheiro para partilhar tudo o que temos dentro de nós e transborda, para receber em troca verdades que venham ao encontro de nossos sonhos e desejos. Sempre foi assim e assim o será, não se foge a isso. No entanto, a ânsia por encontrar esse amor jamais poderá ser maior do que o nosso amor-próprio, do que as convicções que nos constituem e constituem nossa humanidade, nosso respirar.

5 passos para lidar com a agressão emocional dos outros

Neste artigo, Giridhari Das apresenta 5 passos para lidar com a agressão emocional dos outros, minimizar seu impacto e usar a situação para o crescimento.

Valorize as pequenas alegrias. Um dia elas se tornam uma grande felicidade.

Alegria a gente não guarda no banco, não aplica na bolsa nem troca por bens de consumo. A gente leva no coração.

Amor próprio veste melhor do que qualquer outra grife

Há tanta gente preocupada consigo mesmo, com o que vestir, como impressionar, como chamar a atenção, como mostrar independência, como ser inesquecível, mas esquecem que ser alguém que sabe o que quer, é mais estonteante do que ser apenas aparência.

A exaustão emocional é bem pior do que o cansaço físico

A exaustão emocional é mais massacrante do que o cansaço físico, porque, na maioria das vezes, temos vergonha de admitir que não vamos dar conta, que não estamos aguentando, que estamos fracos.

Ponha ordem nessa bagunça emocional

Por mais que fujamos ao enfrentamento das bagunças que nós mesmos criamos e à aceitação de que aquilo que nos acontece é resultado do que fizemos, sendo tão somente responsabilidade nossa, uma ou outra hora nossa sobrevivência dependerá disso e teremos de fazê-lo.

Ser trouxa tem limite, e ser bonzinho demais não te leva ao céu

Quantas vezes nos entregamos por carência. Quantas vezes agradamos mesmo sem vontade. Quantas vezes dizemos palavras para agradar, apenas. Quantas vezes nos colocamos entre a cruz e a espada para não frustrar alguém. Quantas vezes fingimos que tudo está bem para não magoarmos. Quantas vezes somos bondade, somos amor gratuito e também trouxa.

Nenhuma herança é tão rica quanto a honestidade

“Honestidade é um presente muito caro. Não espere isso de pessoas baratas.” (Warren Buffett.)

Conecte-se!

Siga a página de Caminhos no Facebook e acompanhe as publicações do site.