sexta-feira, 10 julho 2020

“Não agrade os ingratos, nem sirva aos folgados”

Precisamos parar de tentar agradar aos ingratos, de servir gente folgada, de nutrir amizades duvidosas, para que possamos percorrer somente os encontros verdadeiros.
Início Tags Espiritualidade

Espiritualidade

Como a identificação com as coisas nos afasta de nós mesmos!

A infelicidade de muita gente se deve a uma identificação com as coisas à sua volta. Quem se identifica com as coisas, passa a ter e deixa de ser, afastando-se de si mesmo, de seu centro e de uma vida mais leve e feliz.

A mágica que faz o chocolate de nos deixar mais felizes

Se você, quando come chocolate, sente seu ânimo se elevar, talvez você esteja com razão.

Quando acaba a tempestade

De repente a tempestade se dissipou. Tão rapidamente quanto sua chegada, foi sua partida. E eu saí de trás das nuvens. Era noite ainda, mas pude olhar de novo o ceú claro, limpo e, mesmo sem estrelas, iluminado.

É Natal: entenda o amor de Deus por você

O mais encantador no Natal é o poder que ele tem de provar que somos importantes. O período natalino traz ensinamentos que podem nos reconstruir como pessoas.

Pare de atrair pessoas erradas

Por que você está atraindo pessoas erradas para sua vida? O que está levando você a trazer tanta dor e sofrimento para si mesmo, com a presença de pessoas erradas ao seu redor?

Nudez

Ter contato com a alma nua nos faz saber exatamente quem somos e quem queremos ser.

Saudade de quando as coisas eram mais simples

Saudade de quando as coisas eram mais simples e não vivíamos sufocados por tantas complicações. Ou era a gente que não complicava tanto as coisas?

Eu, o homem e a bicicleta – sobre o que importa de verdade

Uma reflexão sobre o que importa de verdade: o que foi conquistado com o próprio esforço. As coisas não deveriam ser tão descartáveis como temos feito parecer.

Não tenha medo, tenha fé, as coisas vão dar certo.

Às vezes, quando a tempestade vem, os ventos são fortes demais e então a gente teme que tudo será destruído e que não iremos nos “salvar”. Mas Deus está nos dizendo: Tenha fé, eu estou agindo.
- Caminhos recomenda -